Trama
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.
Créditos
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.
Novidades
18.06
Reabertura do Fórum 2.0

00.00
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut.

00.00
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut.
Times
Nombre apellido
Mejor héroe
Nombre apellido
Mejor Villano
Nombre apellido
PJ más activo
Administração
Companeros

Élite 0/40

[MVP] Corallyne V. Bouchevar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[MVP] Corallyne V. Bouchevar

Mensagem por Circe em Seg Nov 16, 2015 6:40 pm


Killer

Já haviam se passado exatos três dias desde que uma das proles de Apolo havia desaparecido em uma caçada nos bosques. Um mês desde que uma filha de Afrodite desaparecera no mesmo local. Alguns começavam a se assustar, mas não parecia ser o caso de Corallyne. Os boatos de que um novo desaparecimento ocorrera fora o suficiente para que providências fossem tomadas, levando a garota para dentro das matas em busca de uma solução para o mistério.

Com apenas uma arma de defesa e uma de ataque, ela adentrara a floresta durante a tarde. Quanto mais caminhava para o centro, mais a escuridão tomava conta de tudo ao seu redor. Seu cabelo voava com o vento que batia contra seu corpo. Ela sentia que não estava sozinha, algo parecia observá-la por entre as árvores. O som de um rastejar de uma serpente parecia persegui-la, mas, mesmo quando procurava, a filha de Éris não encontrava nada.

E então ela encontrara os corpos. Destruídos e dilacerados, os corpos já pareciam apodrecer juntos, tendo uma quantidade enorme de ossos e órgãos expostos, além de um forte cheiro da morte. Podia ver mais partes humanas espalhadas pelo covil do monstro, mas não conseguiu identificar quem um dia foram.  

— Corallyne, prole de Éris. — Uma voz feminina e suave surgiu atrás da jovem, revelando uma mulher esbelta e com um sorriso debochado nos lábios vermelhos. — Será um prazer devorá-la.

A bela mulher começara a se transformar, tendo escamas sendo espalhadas por sua pele e afiadas presas no lugar de seus dentes. Uma lâmia, facilmente identificada, extremamente perigosa, conhecida por devorar crianças e homens por pura inveja.

Regras e informações:

- Quero que seja detalhista do começo ao fim de suas narrações.
- Leve apenas duas armas, uma de ataque e outra de defesa. Mascotes não são autorizados.
- O prazo para postar é até 19/11/2015.
- Lâmia: 180 HP/MP
- Corallyne: 100 HP/MP.
- Mínimo de 10 (dez) linhas por post.


Boa sorte!
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
12
US$ :
38318
Data de inscrição :
12/11/2015

Circe
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [MVP] Corallyne V. Bouchevar

Mensagem por Corallyne V. Bouchevar em Sex Nov 27, 2015 1:23 pm

Let's play!
Pessoas morrem ou somem todos os dias em todas as partes do mundo. Algumas são encontradas em questão de horas, voltam para suas respectivas famílias e vivem bem. Outras tantas apenas continuam desaparecidas, as almas perdidas pelo mundo, vagando entre os vivos .

Bouchevar fitava do alto da casa de Éris a floresta, a mente da jovem trabalhava nas informações que corria entre os moradores da cidade. Semideuses vinham desaparecendo a algum tempo, de fato era um acontecimento de se estranhar, mas não a ponto de assusta-la.

“Vamos mesmo ficar paradas aqui? Deveríamos ir atrás de algum rapaz, diversão, sabe…” Como em um passe de magica, uma mulher surgiu ao lado da filha da discórdia. Os cabelos possuíam o mesmo tom e tamanho, o corpo obtinha as mesmas curvas, eram idênticas. A única coisa que as diferenciavam eram suas vestes. Enquanto a recém surgida se cobria de uma saia justa e uma blusa de cetim, a outra trajava roupas mais informais e comportadas.

“Você deveria calar a boca e se fazer mais útil, Appril.” A outra pronunciara-se, a voz saira apenas como um sussurro ameaçador, mais o suficiente para fazer com que ela se calasse. “Vyo… Não precisa ser agressiva… Tenha mais calma com a Appril… Sei que ela é difícil de lhe dar, mas não podemos simplesmente julga-la por estar sempre querendo ir para a cama de algum ser.”

Uma terceira mulher surgiu, esta por sua vez possuía um olhar doce, amigável. Sua aparência tão ingenua e infantil fizera com que Vyollet sorrisse. “Três garotas tão diferentes tomando um único corpo, isso até que é divertido. Mas não iremos perder tempo, hoje iremos nos divertir cuidando do novo mistério do Contracorrente.”

Corallyne havia se tornado uma jovem problemática alguns anos antes de deixar o hospício em que fora presa. Seu corpo já não era habitado somente por ela, pelo contrario, era possuído por duas outras moças que diziam ser parte da personalidade dela, mas que na maior parte do tempo, tentavam se sobressair.

A garota de cabelos claros caminhava em silencio, seus passos suaves levavam-na cada vez mais fundo na enorme e misteriosa floresta. Na mão direta carregava consigo uma espada de lamina rubra, enquanto a esquerda tinha consigo um escudo.

O vento tratava de fazer com que os fios quase loiros de Bouchevar bailassem no ar, porém mesmo que em algum momento de sua vida ela achasse que aquilo fosse algo tranquilizante, agora não era algo que sequer passava em sua mente.

Por mais que quisesse se manter completamente tranquila e livre de qualquer pensamento inútil ou sensação ruim, ela não conseguia. A cada centímetro que avançava Corallyne sentia que estava sendo observada, o pulso moveu-se e a mão o acompanhou, fazendo com que a espada acompanhasse o movimento.

Os lábios sem coloração abriram-se e um suspiro forte escapou, deixando claro o arrependimento da menina. Por um segundo ela pensou ter ouvido o som de um rastejar, o mesmo que cobras tendiam a produzir. “Droga, Vyo… Não devíamos ter nos metido nisso…” Corallyne sussurrou baixo para si mesma, desta vez suas outras personalidades não haviam tomado forma, mas estavam obviamente presentes.

Antes mesmo de poder se pronunciar uma segunda vez ela deparou-se com uma cena um tanto chocante. Diante de si estavam os corpos dos semideuses desaparecidos, destroçados, praticamente irreconhecíveis. O cheiro do apodrecimento da carne começava a surgir, a loira respirou fundo fechando os olhos, mas os abriu bruscamente no segundo seguinte, quando um timbre suave se fez ouvir.

Uma ameaça, provavelmente quem quer que fosse acreditava que poderia matar a semideusa. Bouchevar girou em seu próprio eixo, seu olhar cruzou-se com a fonte de onde a voz viera enquanto esta se transformava, um suspiro escapou de seus lábios e estes curvaram-se em um sorriso mortal. — Jura que é você que esta matando esses semideuses? Uma fucking lâmia? — A jovem arqueou a sobrancelha, vislumbrando a forma real da mulher. A cabeça moveu-se de forma negativa, e a jovem não hesitou quando resolveu atacar.

Seu plano consistia em usar sua agilidade para caminhar em direção a oponente, manteria exatos um metro de distancia entre elas. Rapidamente empunharia a espada e moveria o pulso em um breve giro, permitindo que a arma acompanhasse o movimento, ao fim faria com que a lamina entrasse em contato com a cintura do oponente causando um corte ali. Se isto desse certo, a menina aproveitaria o momento em que o monstro se distrairia com a dor para correr para o lado dele, usaria o punhal de sua arma e desferiria um golpe contra a nuca da lâmia.

ARMAS:

Espada Escarlate - Espada com a lâmina feita de rubi extremamente afiada. Ao desferir golpes em seu inimigo, tal arma converterá o dano causado em restauração da energia do portador, lembrando que a quantia restaurada é igual a metade do dano causado pela espada.

Escudo Colossal: Aparentemente é um escudo comum, porém, quando a vitima ousa desferir um golpe contra sua parte metálica ele libera uma energia contra-atacando com o dobro de intensidade do golpe.

PODERES:

✖ Agilidade - Éris era sempre vista acompanhando Ares nas guerras e assim como ele possui uma grande agilidade em batalhar.



Corallyne Addy Vyollet Bouchevar
Você pode dizer que já ficou para trás, pode até esquecer, dizer que não importa mais. Mas teu passado se lembra, o teu passado não esquece.
avatar
Filhos de Éris
Mensagens :
9
US$ :
39209
Data de inscrição :
25/10/2015

Dados do Personagem
Nivel: 3
Experiencia :
29/300  (29/300)
Vida (HP):
130/130  (130/130)

Corallyne V. Bouchevar
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [MVP] Corallyne V. Bouchevar

Mensagem por Dionísio em Dom Dez 06, 2015 4:44 pm

Corallyne Vs Lâmia

A prole da discórdia entrou floresta à dentro, pronta para descobrir o que estava ocorrendo e porque semideuses desapareciam. Ela encontrou os restos dos meio sangues mortos, o cheiro de podridão invadia suas narinas. Ela pode ouvir uma voz feminina, o que a assustou, por uns segundos.

A mulher se transformava. Sua pele virava escamas, suas pernas viravam caudas, e seus dentes, enormes presas que rasgariam a carne da filha de Éris.

Coral sem pensar duas vezes atacou a fera. Avançou contra ela usando toda sua agilidade, e se colocando a apenas um metro de distância, usou sua espada para atingi-la. Conseguiu acertar a cintura da monstra, mas seu plano não havia dado 100% certo. Ela esperava com que sua oponente se distraísse com dor, mas a lâmia ao invés disso ficou ainda mais furiosa e atingiu a semideusa com sua cauda. Corallyne voou alguns metros e se chocou contra uma árvore.


Corallyne - 90/100HP 100/100MP
Lâmia - 160/180HP


regras:
~ Posts com no mínimo 8 linhas.
~ Poderes ativos e passivos em final do texto, com nome e descrição. (SPOILER)
~ Pode se usar qualquer arma do seu arsenal, mas somente DUAS. (SPOILER)
~ Sou eu que narro, logo, não tente narrar algo ou fazer algo que eu não permiti. Escreva planos e suas ideias de combate.
~ A luta acaba quando você ficar com 0 de HP, ou sua oponente for derrotada.
~ Lembrando que NÃO É atemporal, então você só poderá postar AQUI até terminar a MvP, ou em eventos ATEMPORAIS.
~ Boa sorte!
~ Prazo até dia: 10/12/2015 às 23:59


TAGS

 
 
 
clumsy @ sa!




DIONÍSIO

....................................Lord D. ♦️ God of Wine......................................


Babis @ BG
avatar
Deuses Olimpianos
Mensagens :
85
US$ :
41955
Data de inscrição :
02/09/2015

Dados do Personagem
Nivel:
Experiencia :
0/0  (0/0)
Vida (HP):
100/100  (100/100)

Dionísio
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [MVP] Corallyne V. Bouchevar

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum