Trama
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.
Créditos
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.
Novidades
18.06
Reabertura do Fórum 2.0

00.00
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut.

00.00
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut.
Times
Nombre apellido
Mejor héroe
Nombre apellido
Mejor Villano
Nombre apellido
PJ más activo
Administração
Companeros

Élite 0/40

O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Thânatos em Qua Set 30, 2015 12:12 am

O Poder do Amor
O semideus estava caído, tão bêbado quanto era possível ficar. Não se lembrava exatamente como fora a festa no lar das crias de Afrodite, mas lembra-se de bebida, do Senhor D dançando conga com um sátiro, de muita farra com os semideuses de outros chalés e, principalmente, da figura difusa e inconstante clamando por ele, no fundo de sua mente. Agora, caído numa poça de vinho e suor, bêbado a ponto de não conseguir articular palavras ou mesmo mover o braço, a força em sua mente se intensificou a ponto de a bebedeira abandonar completamente seu corpo.

Joe se levantou, com um princípio de medo, e viu as medonhas letras na parede. A mensagem estava escrita com icor dourado.

“Encontre, Joe, o símbolo de meu poder. Estou perdendo vocês, meus filhos. O Amor está definhando. Vá até minha cidade, a cidade onde terei mais forte presença. Vá, Joe. Boa sorte, meu filho. ”
...

TAGS

 
 
 
clumsy @ sa!


Regras:
Seu post deve ter, no mínimo, 400 palavras.

Erros ortográficos não serão bem recebidos. Quanto mais vacilar na escrita, mais rigoroso serei na avaliação, e menos probabilidade existirá de suas ações darem certo.

Cada post tem um prazo máximo de três dias, contando a partir do dia seguinte da narração.

Seja criativo. E se for para fazer algo a mais além do que a narração sugere, faça muito bem ou desconsiderarei o post.

Neste primeiro post, quero que encontre três ciclopes muito grandes e muito famintos na saída da cidade contracorrente, que inconvenientemente querem te comer, e finalize ali, para a narração.

Não vá para a cidade errada, por favor.


Última edição por Thânatos em Qui Out 01, 2015 12:07 am, editado 1 vez(es)
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
32
US$ :
40394
Data de inscrição :
07/09/2015

Thânatos
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Joe McDean em Qua Set 30, 2015 4:52 pm


S
ANTO DIONÍSIO, me ajuda! – Foram minhas primeiras palavras ao despertar. Nossa gente, meu fígado estava completamente destruído. Eu nunca tinha bebido tanto na minha vida, CARALHOOON, como eu AMO TEQUILAA. Eu estava caído ao chão e um cheiro terrível de cachaça estava sobre mim, por sorte, eu poderia mudar meu odor, graças às habilidades herdadas por minha mãe e minha Rainha, Perséfone. Eu estava aproveitando ao máximo os meus seis meses no Acampamento Contracorrente, fala sério, viver no submundo até que é divertido, mas não tem festas como essa. Dancei horrores com o senhor D. e até com um sátiro que eu tive o prazer de embebedar, E NÃO, eu não queria estuprá-lo igual a minha mestra tem o prazer de fazer.

Uma voz feminina ecoou pela minha mente. – Sério mesmo que vou ter que levantar? – Falei comigo mesmo revirando os olhos e lambendo meus lábios que graças ao álcool os deixavam ressecados. Levantei-me apoiando na parede, e quando pude perceber, uma frase estava escrita:

“Encontre, Joe, o símbolo de meu poder. Estou perdendo vocês, meus filhos. O Amor está definhando. Vá até minha cidade, a cidade onde terei mais forte presença. Vá, Joe. Boa sorte, meu filho.”

Após ler arqueei a minha sobrancelha. – Perdendo a minha mãe? Tá aí uma coisa que não irei aceitar honeys! – Mordi meus doces e macios lábios e fui até meu quarto correndo (sim, eu estava jogado no corredor) para buscar meus equipamentos. Entrei rapidamente e peguei a minha foice mortal que eu usaria para arrancar a cabeça de qualquer um que ousasse destruir minha mãe, também peguei minhas cartas mágicas e meu manto que eu ganhei de minha mestra. Sem saber muito o que fazer, a primeira coisa que eu fiz foi sair da casa do amor, melhor dizendo, Afrodite, e sair do Acampamento Contracorrente.

Caminhei todo o acampamento, por sorte, não fui visto por ninguém. A ressaca já abandonava o meu lindo AND maravilhoso corpo sedução, e eu já estava prestes a atravessar a barreira mística. Atravessei sem pensar duas vezes, eu estava nervoso e com muito ódio dentro de mim, e sim, estava bastante preocupado com minha amada mãe. Eu caminhava por entre as árvores da saída, mas eu me assustei ao ver monstros que vinham em minha direção. Me escondi atrás de uma árvore e – Ciclopes... – Pude perceber três feras daquela, que rosnavam enquanto babavam. Eles estariam morrendo de fome e com certeza seria uma ameaça grande para mim, eles iriam querer destroçar o meu corpo e comer a minha carne ali mesmo, crua. Eu vestiria o capuz do meu manto e talvez isso me ajudaria, eu ficaria invisível e como ciclopes não enxergam muito bem, eu teria isso ao meu favor. Um cheiro terrível sairia de meu corpo, um cheiro de ácido que eu usaria para incomodar os ciclopes, talvez assim, fosse capaz de dispersá-los.

Armas/Itens:
Foice da meia noite: Uma foice negra. Sua lâmina possui a mistura de bronze imperial e prata lunar, assim, aumentando o dano em 5%.

Manto opaco: Um manto que permite quem estiver coberto com ele ficar transparente, não invisível, transparente.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.

Poderes/Habilidades:
Passivos:
Aroma – O aroma capaz de ser lançado pelo Guardião pode ser encantador para atrair ou horrível o suficiente para dispersar o oponente.

Ativos:
---X---

Love me like money!
®


Última edição por Joe McDean em Sab Out 31, 2015 6:26 pm, editado 1 vez(es)


How deep is your love?
"/>
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
61
US$ :
39709
Data de inscrição :
22/09/2015
Localização :
Ali

Dados do Personagem
Nivel: 14
Experiencia :
482/1400  (482/1400)
Vida (HP):
230/230  (230/230)

Joe McDean
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Thânatos em Qui Out 01, 2015 10:11 pm

O Poder Do Amor.
Joe saíra do acampamento, e se deparara com três ciclopes gigantes, famintos. Distraiu-os, com a habilidade de exalar cheiros ruins, capaz de dispersar os ciclopes. Entretanto, tal era a fome pelo semideus, que este não conseguiu despistá-los. Eles ficaram confusos por alguns momentos, mas acabaram rastreando o semideus pelo olfato. O Guardião não teria opção. Se quisesse seguir a viajem, em prol de sua mãe, teria que matar aquelas bestas de dois metros de altura. Mas ele não tinha muito tempo para pensar, pois as feras se aproximavam, atentas ao barulho e identificando a fonte do cheiro que antes as atordoava. Um ciclope apontou para o exato lugar onde Joe se encontrava, e correu naquela direção, rugindo pela carne do semideus. Os outros três correram em seu encalço, não deixando opção para e presa a não ser se testar contra eles, com sua vida em jogo. Mas ele já fizera coisas mais difíceis...

TAGS

 
 
 
clumsy @ sa!


Observações:
Cumpra o prazo.
Apenas descreva todo o ataque.
Mínimo de 400 palavras.
Sem erros de ortografia, e pense mais na pontuação.
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
32
US$ :
40394
Data de inscrição :
07/09/2015

Thânatos
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Joe McDean em Sex Out 02, 2015 2:56 pm


U
sei meus poderes de odor para tentar dispersar os famintos ciclopes, tudo daria certo se a fome das criaturas são fossem tão gigantesca a ponto de me comerem ali mesmo, cru. Por uns segundos os monstros estavam confusos, mas rapidamente um deles apontou em minha direção, o que com que os outros dois disparassem aonde eu estava. – Ótimo, pelo menos agora terei que arrancar cabeças, que irei levar comigo para o submundo. – Falei revirando os meus lindos olhos azuis, enquanto lambia meus lábios com sede de sangue.

Eles corriam até mim rugindo e rosnando, prontos para rasgarem minha carne, mas eu já tinha planos em mente, e era bom que eu os fizesse logo antes que ele se aproximassem demais. Segurei minha foice com força e aproveitando estar transparente comecei aos poucos minhas ações: Primeiramente eu usaria a própria sombra deles como arma, usando meu poder herdado pela Rainha do Submundo, eu faria com que suas sombras subissem pelas suas pernas e os prendessem ali mesmo aonde estavam, se isso desse certo, daria tempo para eu lançar uma chuva de pétalas em suas direções, assim eles ficariam distraídos e não iriam ver para onde eu correria. Aproveitando a chuva avermelhada de rosas, eu avançaria por entre as árvores, em uma espécie circular, assim eu já me encontraria atrás dos ciclopes, usaria toda a minha agilidade e destreza para chegar rapidamente. Os monstros de um olho só estariam de costas para mim e eu avançaria dando um super impulso, o que eu aproveitaria para voar em uma grande velocidade e ao estar bem próximo, desferiria minha foice contra a cabeça de dois dos monstros. Após cair em terra, eu criaria uma esfera de fogo infernal em uma de minhas mãos e lançaria na direção do olho do meu oponente. – Criaturas ridículas! – Dizia, sentindo o calor do inferno em meu coração apaixonado.  


Armas/Itens:
Foice da meia noite: Uma foice negra. Sua lâmina possui a mistura de bronze imperial e prata lunar, assim, aumentando o dano em 5%.

Manto opaco: Um manto que permite quem estiver coberto com ele ficar transparente, não invisível, transparente.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.

Poderes/Habilidades:
Passivos:
Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.
Rosas – Tais flores também são símbolos da Deusa do Amor, assim seus filhos podem usar esse poder para florir um ambiente ou até mesmo criar rosas e pétalas em suas mãos. Podem ser usadas para distrações.
Natureza –  O amor pela natureza é inevitável, os Guardiões obtêm da natureza certa energia positiva e se sentem melhor ao estar em uma luta ao ar livre.


Ativos:
Agilidade/Flexibilidade – Filhos de Afrodite possuem extrema flexibilidade e agilidade, assim podem desviar de vários ataques, além de darem altos pulos e piruetas. Seus movimentos são suaves e encantadores, e isso chama atenção dos oponentes, que pensam mais tempo ao atacar, assim a prole do amor esquiva e defende mais rápido.
Rival – Filhos de Afrodite sendo competitivos, ao atacarem monstros e semideuses do mesmo sexo podem fazer com que o dano seja dobrado.
Benção da Lebre – Tais animais são símbolos da Deusa do amor, assim ao receber a benção das lebres os filhos de Afrodite podem se esquivar com mais facilidade e velocidade, além de dar pulos bem mais altos e correr com agilidade.
Benção da Pomba – Pombas são símbolos de Afrodite, então ao receber a benção desses animais, as proles do amor podem voar pequenas distâncias além de não sofrerem impacto quando caírem em solo.
Fogo fátuo – Por passarem um bom tempo no submundo, os Guardiões de Perséfone ganham a habilidade de criar pequenas esferas de fogo infernal em suas mãos, que podem ser desferidas em seus oponentes.
Sombra amiga – Guardiões do submundo podem controlar a sombra do inimigo, e fazer com que elas o prendam.

Love me like money!
®


Última edição por Joe McDean em Sab Out 31, 2015 6:27 pm, editado 1 vez(es)


How deep is your love?
"/>
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
61
US$ :
39709
Data de inscrição :
22/09/2015
Localização :
Ali

Dados do Personagem
Nivel: 14
Experiencia :
482/1400  (482/1400)
Vida (HP):
230/230  (230/230)

Joe McDean
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Thânatos em Dom Out 04, 2015 2:18 am

O Poder do Amor
Joe usou as próprias sombras dos inimigos para prendê-los. Fez chover pétalas sobre eles, distraindo-os no que dizia respeito a seu posicionamento geográfico, mas não no que concernia a sua presença e belicismo. O semideus correu por detrás das árvores, descrevendo um meio-círculo para pegar os ciclopes por trás, de surpresa. Correu e, num impulso, tentou acertar num só golpe a cabeça de dois dos monstros, mas, devido a uma má visão da trajetória do salto, acertou apenas um, rachando seu crânio ao meio. Caiu levemente, e invocou uma esfera de fogo em sua mão, lançando-a diretamente no olho do ciclope que não tentara atacar, cegando completamente o oponente. A criatura cega rugiu, e se libertou das sombras, fugindo da batalha. Não foi muito longe, entretanto. O ferimento o matou, fazendo a besta se desintegrar.
Enquanto observava seu parcial sucesso, esqueceu-se do outro ciclope. Este bradou, libertando-se das sombras e desferindo um poderoso soco no tórax do guardião, lançando-o quatro metros à frente. Ele sentiu algumas costelas se partirem, e notou que o ciclope se encontrava acima dele, com a mão em punho levantada, pronta para desferir outro poderoso golpe no semideus momentaneamente atordoado.
...

Hp do ciclope= 100/100. Seu Hp= 117/135. Sua Mp=110/135

 
 
 
clumsy @ sa!


Observações .:
Mínimo de 400 palavras.
Post em 07/10/2015.
Tente utilizar mais pontos.  
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
32
US$ :
40394
Data de inscrição :
07/09/2015

Thânatos
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Joe McDean em Dom Out 04, 2015 3:56 pm


U
sei as suas próprias sombras para prendê-los, e sinceramente, era a primeira vez que eu tinha usado essa habilidade e eu tinha adorado, sim, porque deu certo mesmo. Meu plano quase todo havia dado certo, eu corri para trás das árvores e aproveitando o impulso consegui arrancar a cabeça de apenas um dos ciclopes, rachando seu crânio ao meio. – Monstro idiota – Um sorriso sanguinário dava para se notar em meu lindo rosto. Uma esfera de fogo infernal foi criada em minha mão e desferida contra o olho de um dos outros amigos caolhos, o que o fez gritar e sair correndo com os olhos em chamas, de longe pude notar a fera de desintegrando.

Por um segundo a felicidade havia tomado conta do meu corpo, mas como eu sou um filho de Afrodite e as proles do amor são tão distraídas, é claro que eu esqueci que tinha outro oponente. ’’Aim como eu sou idiotaaannnn’’ Pensei comigo mesmo, sentindo uma dor infernal ao ser acertado por um soco da porra em meu tórax. Voei uns quatro metros e sangue escorria do canto da minha boca. A dor ridícula tomava conta do meu corpo sexy AND maravilhoso e ao olhar para cima, a criatura ridícula já estava de pé, erguendo seus punhos, pronto para me acertar mais uma vez.

Rapidamente retiraria meu capuz e isso já não me deixaria mais transparente, e eu precisava ser totalmente visto para que meu novo plano desse certo. Rapidamente eu me  colocaria a chorar. Chorar? Isso mesmo, lágrimas sinceras escorreriam pelos meus lindos e encantadores olhos azuis. – Por favor, não... – Dizia enquanto soluçava de tanto que eu chorava. Ciclopes tem um coração totalmente cheio de ira, mas talvez ele não agüentaria ver um ser tão lindo como eu quase morrendo de tristeza, usaria a habilidade para fazer com que ele abaixasse a sua guarda. Além disso, eu usaria meus poderes para aumentar minha beleza, assim eu ficaria mais irresistível que o normal, um cheiro hipnotizante sairia de mim e cruzando o meu olhar com o dele, podia fazer com que talvez ele por uns segundos esquecesse da batalha, assim eu atacaria. – Please, não me ataque... – Soluçava, lambendo meus lábios e aproveitando tudo para poder persuadi-lo. Se tudo desse certo, eu usaria minha foice para atingir sua perna, assim eu a arrancaria e desse certo ele cairia ao chão. Eu voaria alguns metros ao ar, e lá de cima faria com que uma chuva de espinhos caísse sobre o monstro, e quando eu estivesse caindo, tentaria cravar minha arma no crânio do monstro.
 


Armas/Itens:
Foice da meia noite: Uma foice negra. Sua lâmina possui a mistura de bronze imperial e prata lunar, assim, aumentando o dano em 5%.

Manto opaco: Um manto que permite quem estiver coberto com ele ficar transparente, não invisível, transparente.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.

Poderes/Habilidades:
Passivos:
Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.
Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.
Lábia encantadora – Através de sua lábia e seus poderes de beleza, a prole de Afrodite pode fazer com que outros semideuses sejam persuadidos por palavras que saem de sua boca.
Perfume – Filhos de Afrodite podem alterar seu cheiro para o perfume desejado. Assim seus poderes de Lábia e Sedução serão mais irresistíveis, podendo até hipnotizar semideuses e paralisar monstros por um tempo.
Lágrimas de distração – Os filhos de Afrodite começam a chorar e isso deixa seu oponente frustado ao ver um ser tão bonito chorando, isso faz com que o seu alvo sinta dó de acertar uma pessoa que chora, abaixa sua guarda e fica vulnerável por um turno, dando chance para a prole do amor atacar.
Natureza –  O amor pela natureza é inevitável, os Guardiões obtêm da natureza certa energia positiva e se sentem melhor ao estar em uma luta ao ar livre.
Beleza Natural – Como sua Protetora, os Guardiões serão tão belos quanto a mais bela das orquídeas.
Aroma – O aroma capaz de ser lançado pelo Guardião pode ser encantador para atrair ou horrível o suficiente para dispersar o oponente.


Ativos:
Olhar hipnotizante – Utilizando seus poderes de beleza, basta o filho de Afrodite cruzar o olhar com algum Monstro/Semideus e assim o oponente ficará impressionado com a sua beleza, baixando sua guarda e dando a chance de um ataque.
Agilidade/Flexibilidade – Filhos de Afrodite possuem extrema flexibilidade e agilidade, assim podem desviar de vários ataques, além de darem altos pulos e piruetas. Seus movimentos são suaves e encantadores, e isso chama atenção dos oponentes, que pensam mais tempo ao atacar, assim a prole do amor esquiva e defende mais rápido.
Rival – Filhos de Afrodite sendo competitivos, ao atacarem monstros e semideuses do mesmo sexo podem fazer com que o dano seja dobrado.
Benção da Lebre – Tais animais são símbolos da Deusa do amor, assim ao receber a benção das lebres os filhos de Afrodite podem se esquivar com mais facilidade e velocidade, além de dar pulos bem mais altos e correr com agilidade.
Benção da Pomba – Pombas são símbolos de Afrodite, então ao receber a benção desses animais, as proles do amor podem voar pequenas distâncias além de não sofrerem impacto quando caírem em solo.
Espinhos – Os Guardiões de Perséfone podem criar uma chuva de espinhos para que atinjam o inimigo.

Love me like money!
®




Última edição por Joe McDean em Sab Out 31, 2015 6:28 pm, editado 1 vez(es)


How deep is your love?
"/>
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
61
US$ :
39709
Data de inscrição :
22/09/2015
Localização :
Ali

Dados do Personagem
Nivel: 14
Experiencia :
482/1400  (482/1400)
Vida (HP):
230/230  (230/230)

Joe McDean
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Thânatos em Qua Out 07, 2015 11:43 pm

O Poder do Amor
Joe tirou rapidamente o capuz, demonstrando perfeitamente sua habilidade de chorar. Chorou, e o ciclope enraivecido baixou a guarda. Para confundir ainda mais o monstro, aumentou sua beleza e exalou um cheiro estonteante, fazendo com que a besta, de guarda baixa, ficasse mais confusa do que já estava. Usou também de muita persuasão, pedindo para que o ciclope não o atacasse. De súbito, o muito astucioso semideus arremeteu com a foice, arrancando a perna do monstro. Sem demora, alçou um voo raso e fez chover sobre o monstro muitos espinhos. Numa arremetida final, ele caiu sobre o inimigo, fincando sua foice no peito do mesmo. Viu, triunfante, uma bela nuvem de poeira levantar-se dali.
Agora Joe se livrara da ameaça inicial oferecida pelos ciclopes, e estava cansado. Precisava descansar e curar por completo sua ressaca. Mas tinha de ir para a cidade do Amor, pois sua mãe dependia disso, e contava com ele. Teria que buscar um transporte em que pudesse descansar e viajar ao mesmo tempo, para que pudesse se valer de toda a sua energia e vitalidade quando fizesse seja lá o que teria que fazer. No mesmo instante, um avião passou no céu, e o semideus, desprovido de qualquer dólar, observou...


Hp do ciclope= 100/100. Seu Hp= 117/135. Sua Mp=110/135

 
 
 
clumsy @ sa!


Observações .:
Mínimo de 400 palavras.
Post em 07/10/2015.
Tente utilizar mais pontos.  

Código:
Regras:
Mínimo de 400 palavras.
Réplica em três dias.
Este é um post onde o futuro do pretérito não será necessário, mas deve descrever com perfeição suas emoções e suas ações antes de pegar o avião (é isso que deve fazer, a propósito), bem como um sonho qualquer durante um cochilo que deve tirar a bordo. Relate o pouso, e a saída do aeroporto, já na cidade que deve ir. Se a narrativa não agradar, talvez algumas ações que porventura venha a fazer não deem certo...
O MP e o HP serão recuperados na viagem.
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
32
US$ :
40394
Data de inscrição :
07/09/2015

Thânatos
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Joe McDean em Qui Out 08, 2015 11:11 am


m
eu plano havia dado perfeitamente, assim como eu. Consegui retirar meu capuz à tempo e a tristeza tomou conta de mim. Chorei terrivelmente e o monstro ridículo, sentiu dó em me acertar. Sua guarda foi abaixada e o cheiro que saía do meu corpo foi o suficiente para confundir ainda mais a besta. Melhorando a minha beleza, consegui fazer com que o monstro fosse persuadido, assim, nenhum ataque foi desferido a mim. Usando minha foice arranquei uma das pernas do ciclope e sem demorar, voei alguns metros, lançando uma chuva de espinhos em direção ao monstro. Enquanto caía, dei um giro e finquei a lâmina da foice no peitoral do meu oponente. Respirava fundo, cansado. – Monstro tolo, achou mesmo que fosse me comer? Só quem me come são meus namorados e OLHE LÁ! – Sorri de canto, observando o monstro virar poeira.

Eu realmente precisava descansar. A ressaca tomava conta de mim e minha energia estava mínima. Observei um avião passado aos céus e lembrei-me que eu precisava completar minha missão. Mas para onde vou? Cidade do amor? Sim, mas aonde é? A primeira coisa que veio em minha cabeça foi a frança. Lá é o país onde o amor é mais forte e minha mãe sempre amou aquele local. – Preciso chegar à um aeroporto o mais rápido possível... – Falei comigo mesmo, retirando de meu bolso uma pérola que eu havia ganho de minha mestra, Perséfone. Joguei-a ao chão e com o pensamento no aeroporto mais perto, pisei na pedra, em questão de segundos, desapareci.

–X–


Aparatei no lugar desejado, segurando minha foice e com o manto sobre o meu corpo. As pessoas achariam estranho, mas graças à névoa, ninguém poderia enxergar a verdade sobre mim. ’’Comprarei passagem para Paris, a capital do país do amor deve ser o lugar mais forte entra as auras da paixão.’’ Pensei comigo mesmo, em direção aonde eu tiraria o meu passaporte.

Já havia conseguido a minha passagem, o que não foi difícil graças ao meus poderes de beleza, sedução e persuasão. Também retirei alguns dracmas de meu bolso e ofereci. Já me encontrava na fila para a cidade do amor, e sem demora, caminhei para dentro do avião.

Sentei-me no meu lugar, e o alívio que eu senti foi maravilhoso. Eu passaria algumas horas dentro do avião, o que seria perfeito para que eu descansasse. Já me encontrava aos céus, e sono foi tomando conta de mim, minha visão ia escurecendo, até que eu já não me encontrava mais ali, e sim, no mundo dos sonhos.

Um lindo campo com diversas flores me deixava com uma ótima sensação. Estar perto das plantas e da primavera era maravilhoso para um guardião, me dava a sensação de estar mais vivo que o normal. A brisa tocava meu lindo rosto, e aquilo tudo me acalmava. – Olá, meu querido! – Dizia uma linda voz, que ao olhar para trás, pude ver minha mestra, a Rainha do Submundo e Deusa da Primavera. – Rainha Perséfone... – Falei me curvando diante a divindade. – Me chame de Koré, meu amor... – Corrigiu a deusa. Seus lindos cabelos negros caíam em seus ombros, seus olhos eram verdes como a natureza, eu vestido branco com raízes e plantas entalhadas chamavam-me a atenção. Sobre sua cabeça, uma linda coroa de ouro. – Joe, você precisa ajudar sua mãe. Seus poderes não podem enfraquecer, o que seria do mundo sem o amor? O amor é a base de tudo, e é por pelo amor, que você lutará. E nunca se esqueça, eu sempre estarei contigo. – Sorriu a deusa, desaparecendo.

Ao acordei rapidamente, com um susto. O sonho parecia ter sido só em alguns segundos, mas custou toda a minha viagem. O avião já estava pousando, e eu tinha que me preparar para novas ameaças. O cansaço já não era mais problema, minha energia estava recuperada. Desci do avião e caminhei alegremente para fora do aeroporto, em direção ao centro da cidade de Paris, FRANÇA.

 


Armas/Itens:
Foice da meia noite: Uma foice negra. Sua lâmina possui a mistura de bronze imperial e prata lunar, assim, aumentando o dano em 5%.

Manto opaco: Um manto que permite quem estiver coberto com ele ficar transparente, não invisível, transparente.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.

Poderes/Habilidades:
Passivos:
Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.
Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.
Beleza Natural – Como sua Protetora, os Guardiões serão tão belos quanto a mais bela das orquídeas.


Ativos:
Pérolas de Perséfone – Acreditava-se que o único modo de entrar e sair do submundo era através de pérolas que a Deusa Perséfone espalhava pelo mundo em busca de novos visitantes. No entanto, seus guardiões ganham até três pérolas que podem ser usadas como o guardião quiser, podendo se teletransportar para onde quiserem.

Love me like money!
®



Última edição por Joe McDean em Sab Out 31, 2015 6:29 pm, editado 1 vez(es)


How deep is your love?
"/>
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
61
US$ :
39709
Data de inscrição :
22/09/2015
Localização :
Ali

Dados do Personagem
Nivel: 14
Experiencia :
482/1400  (482/1400)
Vida (HP):
230/230  (230/230)

Joe McDean
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Thânatos em Seg Out 12, 2015 2:44 am

vv
O Poder do Amor
Depois da tranquila e proveitosa viagem até Paris, Joe precisava ir ao banheiro. Torcia as pernas, e andava de um jeito estranho, para poder segurar suas necessidades até que pudesse chegar ao banheiro. Apressadamente, usou o charme para pular os trâmites de desembarque, e andou rápido ao banheiro mais próximo, carregando tudo o que levara consigo.
Assim que abriu a porta, se deparou com três senhoras muito velhas em frente ao espelho, trajadas com burcas e turbantes. A do meio portava grandes óculos escuros. Não tinha muito tempo para entender que entrara no banheiro errado, e foi logo para a privada.
Feitas suas necessidades, Joe saiu do banheiro químico e viu as mesmas três senhoras, agora olhando diretamente para ele.
-Querido, soubemos que sua mamãe está com problemas. – Falou a senhora dos óculos escuros, que estava no meio. – Diga-me, por que sairia numa missão suicida para ajudá-la, sem saber o real problema?
...
As três mulheres sorriram maliciosamente à resposta nada cordata do semideus, e a senhora da esquerda falou, desdenhosa:
- Sabe quem somos, pequeno semideus? – Enquanto a mulher de fala mansa falava, Joe viu de relance um menino passar com um celular a poucos passos dali. – Sou Euríale... – disse, desenrolando devagar seu turbante, mostrando as cobras que despontavam de seu couro cabeludo.
- Sou Esteno... – Disse a górgona do canto, fazendo a mesma coisa.
- E eu, querido... – Disse a do canto.
- Medusa. – Complementou ele. – Você é medusa.
Ela sorriu, e devagar levou a mão aos óculos...



 
 
 
clumsy @ sa!


Regras:
Mínimo de 300 palavras.
Não faça coisas que eu não pedir, ou as faça muitíssimo bem para não considerá-las contra você.
Quero seu post em três dias a partir do dia em que posto a narração.
Muita sorte e muito cuidado neste post. Lembre-se, não seria saudável olhar pros olhos da Medusa.
Górgonas:
HP de Euríale= 140
HP de Esteno= 135
HP de Medusa= 160
Seu HP= 135/135
Seu MP= 135/135
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
32
US$ :
40394
Data de inscrição :
07/09/2015

Thânatos
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Joe McDean em Sex Out 16, 2015 4:27 pm


V
iagem cansativa? Até que não, pelo simples fato de eu ter dormido lindamente e sonhado toda a viagem com minha mommys e minha mestra. Desci do avião e minha bexiga estava CHEIA, eu precisava o mais rápido possível ir ao banheiro. Utilizando meu charme, ainda consegui chegar mais rápido no local, mesmo que fosse o feminino.

Três senhoras idosas se olhavam para o espelho, apenas sorri simpático e sem vergonha, usei o banheiro. – GENTE QUE ALÍVIO! – Falei, sorrindo e saindo. As três senhoras olhavam para mim, e a do meio tinha óculos escuros em seu rosto. – Mereço... – Revirei meus olhos e assoprei minha franja loira, já imaginando que coisa boa não viria.

A idosa do meio, que parecia ser a chefe, começou a falar que minha mãe estava em perigo e porque o fato de eu ter saído em uma missão suicida para ajudá-la. – Querida, cala boca! Is my mother – Segurei com força minha foice. Todas as três sorriam maliciosamente e começavam a se apresentar uma por uma. Um menino passou segurando um celular, fala sério, não vou tirar o aparelho da mão do garoto. Até porque ele poderia correr e chamar seus pais, e com a névoa, eles iriam achar que eu estaria batendo em velhinhas. – VOCÊ É MEDUSA! – Completei e fala da górgona.

Eu cerraria meus olhos rapidamente e não manteria nenhum contado visual com uma de minhas oponentes, a medusa. – O VENTO! – Tentaria usar uma de minhas cartas mágicas, e se desse certo, um símbolo apareceria ao chão e uma parede de vento apareceria em meu redor, impedindo que minhas oponentes se aproximassem. – Que o inferno suba... – Colocaria minhas mãos ao chão e utilizando meus poderes de invocação, tentaria fazer com que três stalfos viessem do submundo, para me ajudarem. Pensei em uma coisa que me agrade, que no caso, seria eu abraçando a minha mãe. Usaria essas lembranças para criar um gás do sono, que eu iria expelir pela minha boca em direção à medusa. Caso funcionasse, olharia pelo reflexo da minha foice aonde ela estaria, daria um pulo bem alto e em direção à ela, arrancaria sua cabeça com minha lâmina. Meus outros três stalfos atacariam as outras górgonas, impedindo que elas se aproximassem.


 
Armas/Itens:
Foice da meia noite: Uma foice negra. Sua lâmina possui a mistura de bronze imperial e prata lunar, assim, aumentando o dano em 5%.

Manto opaco: Um manto que permite quem estiver coberto com ele ficar transparente, não invisível, transparente.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.

Poderes/Habilidades:
Passivos:
Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.
Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.
Beleza Natural – Como sua Protetora, os Guardiões serão tão belos quanto a mais bela das orquídeas.


Ativos:
Benção da Lebre – Tais animais são símbolos da Deusa do amor, assim ao receber a benção das lebres os filhos de Afrodite podem se esquivar com mais facilidade e velocidade, além de dar pulos bem mais altos e correr com agilidade.
Agilidade/Flexibilidade – Filhos de Afrodite possuem extrema flexibilidade e agilidade, assim podem desviar de vários ataques, além de darem altos pulos e piruetas. Seus movimentos são suaves e encantadores, e isso chama atenção dos oponentes, que pensam mais tempo ao atacar, assim a prole do amor esquiva e defende mais rápido.
Stalfos – Guardiões da Rainha dos mortos podem invocar até 3 esqueletos errantes, com armaduras, espadas e escudos. Possuem 50HP cada um deles.
Gás do Sono – É produzido através, de um simples pensamento em algo que te agrada. É um gás que é expelido diretamente da sua boca, e que se inalado faz com o que inimigo durma de imediato, permanecendo em sono profundo de um à dois turnos.

Love me like money!
®




Última edição por Joe McDean em Sab Out 31, 2015 6:31 pm, editado 1 vez(es)


How deep is your love?
"/>
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
61
US$ :
39709
Data de inscrição :
22/09/2015
Localização :
Ali

Dados do Personagem
Nivel: 14
Experiencia :
482/1400  (482/1400)
Vida (HP):
230/230  (230/230)

Joe McDean
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Thânatos em Ter Out 20, 2015 11:27 pm

vv
O Poder do Amor
E Joe se protegeu das górgonas.
Com os olhos semicerrados, usou seu Tarô, criando uma parede de vento que suas inimigas não puderam transpor. Sem parar, já eufórico e ávido para eliminar aquelas três senhoras intrometidas e inconvenientes, ele levou as mãos ao chão, invocando três stalfos do mundo interior. Todavia, as coisas não saíram como planejado, e dois de seus ajudantes emergiram da terra, do lado errado da barreira. Foram prontamente dizimados pelas górgonas, é claro, mas Joe não observou isso. Concentrando-se em lembranças felizes, o semideus fez com que uma pequena quantia de um gás estonteante fosse produzida em sua boca, e lançou-a em direção às górgonas.
Estupidez, pois existia uma barreira de ar no meio, que lançou o gás todo para cima e para fora do banheiro.
Joe, sem tempo para analisar os resultados de suas ações, saltou em direção à Medusa, orientado pelo reflexo de sua foice. Quando ultrapassou, contudo, a barreira de ar, a foice escapuliu de sua mão e voou sabe-se lá para onde, e Joe se percebeu rolando, no chão, com Medusa. Sensatamente, cerrou os olhos e chutou a górgona na virilha, golpe que causou pouco ou nenhum efeito na criatura, que, por sua vez, valeu-se de todas as cobras que compunham o topo de sua cabeça para atacar o ombro esquerdo de Joe, causando uma intensa agonia no bravo guerreiro, que berrou.
Seu stalfo pusera-se em frente aos dois, e dava tempo a Joe enquanto era dilacerado por Esteno e Euríale. Joe morreria se permanecesse naquela situação, com seu ombro e braço sendo dilacerados por Medusa. Sua mente começava a se enevoar, quando ouviu o familiar som de metal batendo em carne. Aquilo despertou sua mente, bem em tempo de ver Esteno virar pó ante o inesperado arremesso por parte do menino, de seu celular.
O aparelho caiu no chão, ao alcance do braço do semideus, e instantaneamente o objeto se transformou num lustroso chakram. Nesse momento, Euríale, enfurecida, descartou o prestativo stalfo de Joe, com um simples corte no antebraço, e correu para ajudar a irmã no expediente de matar o semideus. Medusa levava a mão ao rosto de Joe, arranhando-o e tentando abrir seus olhos. E o chakram continuava ao perfeito alcance do Guardião, e Euríale estava a apenas alguns passos.
...




 
 
 
clumsy @ sa!


Regras:
Mínimo de 300 palavras.
Não faça coisas que eu não pedir, ou as faça muitíssimo bem para não considerá-las contra você.
Quero seu post em três dias a partir do dia em que posto a narração.
Boa sorte.
Górgonas:
HP de Euríale= 120/140
HP de Esteno= 0/135
HP de Medusa= 158/160
Seu HP= 85/135
Seu MP= 125/135
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
32
US$ :
40394
Data de inscrição :
07/09/2015

Thânatos
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Joe McDean em Sab Out 24, 2015 11:04 am


E
u tinha que ser loiro né? BUT ANYWAY, o que importa é que eu sou um loiro gostoso. Pulei encima de uma de minhas oponentes, tentando acertá-la drasticamente com a minha terrível e mortal foice. Tudo iria dar certo, se minha foice não voasse sei lá para onde. A única coisa que pude fazer foi acertar um chute na virilha da Medusa, mas não demorou muito para que estivéssemos rolando pelo chão. As serpentes de seu cabelo picavam assassinadamente meus ombros. – AARGH, BITCH! – Gritava, sentindo a dor angustiosa.

Pude perceber no meio de caos, uma das górgonas virarem pó e um celular caindo próximo de mim. O objeto caiu ao chão e transformou- se em um chakram. Aquela era a arma que eu precisaria urgente para matar essas monstras ridículas. Meu ombro estava ferido e sangue escorria, eu sentia um dor tão horrível que chegava a me dar enjôo. Medusa arranhava meu rosto. – SUA VAGABUNDA, tá borrando minha maquiagem vadia! – Dizia, sentindo o pior ódio tomando conta de dentro de mim. Eríale se aproximava, eu precisava agir rápido.

Eu não tinha muito o que fazer na situação que eu me encontrava, mas eu morreria se continuasse ali. – Mãe, eu preciso de sua ajuda. Rainha Perséfone, me dê forças, eu preciso... – Fiz uma pequena prece, enquanto colocava meus planos em ação. Eu usaria minha umbracinese para usar qualquer sombra que estivesse próxima para prender a perna de Eríale, até mesmo a dela. Assim ela não se aproximaria como o planejado. Tentaria manipular meus lindos cabelos e fazê-lo crescer o suficiente para eu enrolá-lo no rosto de medusa, assim cerrando os seus olhos e impedindo que as serpentes continuassem me ferindo. Assim levaria meu braço até o chakram e cortaria a garganta da medusa com vários golpes consecutivos. Se isso desse certo, a górgona estaria morta e eu teria que atacar a última. Eu iria solidificar minhas sombras e assim, as deixaria pontiagudas, controlando-as faria com que cravassem em seu corpo. – Morre CRETINA! – Me aproximaria desferindo contra ela várias esferas de fogo infernal em direção ao seu rosto, e quando estivesse próximo, arrancaria sua cabeça com a arma presente em uma de minhas mãos.


Armas/Itens:
Foice da meia noite: Uma foice negra. Sua lâmina possui a mistura de bronze imperial e prata lunar, assim, aumentando o dano em 5%.

Manto opaco: Um manto que permite quem estiver coberto com ele ficar transparente, não invisível, transparente.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.

Poderes/Habilidades:
Passivos:
Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.
Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.
Beleza Natural – Como sua Protetora, os Guardiões serão tão belos quanto a mais bela das orquídeas.


Ativos:
Manipulação de Cabelos I – Filhos de Afrodite podem aumentar o tamanho de seu cabelo em até 5 metros. Pode manipulá-lo como quiser, podendo usar para ataque por ser resistente como aço ou até mesmo prender um oponente.
Sombra amiga – Guardiões do submundo podem  controlar a sombra do inimigo, e fazer com que elas o prendam.
Sombras – Guardiões da Rainha dos mortos podem controlar a sua sombra, conseguindo atacar ou defender-se.
Fogo fátuo – Por passarem um bom tempo no submundo, os Guardiões de Perséfone ganham a habilidade de criar pequenas esferas de fogo infernal em suas mãos, que podem ser desferidas em seus oponentes.

Love me like money!
®


How deep is your love?
"/>
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
61
US$ :
39709
Data de inscrição :
22/09/2015
Localização :
Ali

Dados do Personagem
Nivel: 14
Experiencia :
482/1400  (482/1400)
Vida (HP):
230/230  (230/230)

Joe McDean
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Thânatos em Qua Nov 04, 2015 11:35 pm

O Poder do Amor
Joe rogou pela ajuda de suas mais amadas Deusas, mais por hábito que por qualquer outra coisa. Pediu forças a Perséfone e à sua amada mãe, Afrodite. Então, para conter o avanço de Euríale, valeu-se de sua umbracinese e conseguiu prendê-la no chão, por tempo suficiente (ele esperava), de conseguir se livrar de Medusa, que cada vez mais atacava ferozmente seu rosto e seus ombros, fazendo a visão do semideus enfraquecer, e uma letargia entorpecente tomar conta de seu ser.
Sua vida se esvaía, mas de um jeito ou de outro ele precisava se livrar daquelas Górgonas. Tentou fazer com que seus cabelos se esticassem, com o intuito de cobrir os olhos de Medusa para que esta não pudesse petrificar Joe. Os cabelos não se alongaram com a precisão e velocidade que usualmente fariam. Joe estava desmaiando, sua vitalidade se esvaía de seu corpo. Joe tentou se concentrar, e levou a mão rapidamente ao chakram. A arma era estranha em suas mãos, mas ele não esperava que um aparato militar daquele porte fosse fácil de manusear. Com aquela arma em mão, matar Medusa foi fácil, mas demorou demais. Euríale se liberou de suas sombras, pois Joe, em sua fraqueza, as manipulara de modo medíocre, e caiu sobre ele. Atacou o semideus com uma faca, direto na barriga. Joe gemeu, e o chakram caiu estrondosamente no chão. Joe ficou parado, por alguns instantes, surpreso pela lâmina enterrada em sua barriga, e caiu, em meio ao sangue que agora jorrava do ferimento fatal. Joe viu, em seus momentos antes da inconsciência, o mesmo menino que segurara o celular correr até ele, pegar seu chakram e atacar a Górgona.
...
Joe tremia em seus sonhos. Parte dele sabia que estava morto, ou quase isso. A outra parte estava muito envolvida com o sonho que presenciava.
...



 
 
 
clumsy @ sa!


Regras.:
Mínimo de 600 linhas.
Deve postar no máximo em três dias a partir da narração.
Nesse post, quero que você preencha a lacuna que deixei no meio da narração tosca. Essa lacuna é seu sonho, onde sua mãe aparece para você, explicando melhor sua situação. O que ocorre com ela, é que a primeira flor que deram em nome do Amor, Seu tesouro mais precioso, está retido por Caos no topo da Torre Eiffel. O objetivo do Deus é acabar com o Amor, sugando a principal fonte de seus poderes.
Pode afirmas suas ações, NESSE e apenas nesse post.
Faça algo com bastante emoção, por parte de Afrodite, imbua medo ao sonho, receio por tua parte e, no final, raiva de Caos.
Bons augúrios.
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
32
US$ :
40394
Data de inscrição :
07/09/2015

Thânatos
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Joe McDean em Qui Nov 05, 2015 11:18 am


M
edia forças com medusa. Ela era forte, e eu lutava tentando escapar da criatura. Pedia ajuda a minha amada mãe e minha mestra, Perséfone. A outra górgona se aproximava, mas usei minha umbracinese para prendê-la e atrasá-la por uns minutos. Medusa rasgava meus ombros, arranhava o meu lindo e perfeitinho rosto. Estava fraco, minha visão escurecia aos poucos.

Tentei fazer com que meus maravilhosos e lisos cabelos se esticassem até o rosto da górgona, queria tampar seus olhos para que ela não me transformasse em pedra. Mas nada aconteceu. Eu estava fraco, desmaiando, talvez quase não tivesse energia para usar meus poderes e habilidades. Usando toda minha força, estiquei meus braços até o chakram. Desferi golpes e mais golpes no pescoço da mulher com cabelos de serpente, foi fácil matá-la, mas foi demorado. Euríale se libertou de minhas sombras, e veio diretamente a mim, que já se encontrava de pé pronto para atacá-la. Tudo deu errado, a górgona foi mais rápida que eu, e cravou sua adaga em minha barriga. Pude sentir uma dor angustiosa, uma queimação terrível. Sentia o sangue saindo de dentro do meu corpo. Fiquei parado por uns segundos e deixei com que o chakram caísse. Minha visão se embaçava, minhas pernas bambeavam, e eu caía ao chão. Antes de ficar totalmente inconsciente, pude ver o menino do celular pegar o chakram e atacar Euríale.

‘’Apaguei profundamente. A escuridão tomou conta de meus olhos. Eu estava morto? Talvez sim, talvez não. Pude sentir a dor em minha alma, mas o que estaria acontecendo naquele exato momento? Nem eu mesmo sabia. De uma hora para outra, me encontrava em um rio em paris, podia ver a torre Eiffel de onde eu estava. Pétalas de rosas estavam espalhadas por todo o barco no qual eu me encontrava. Em minha frente, surgia uma linda mulher. Seus olhos eram um tom de azul como o meu, encantadores, hipnotizantes. Cabelos loiros, lisos e sedosos, enfeitados com rosas brancas, amarelas e vermelhas. A divindade usava um vestido longo, branco. Ela sorria para mim, segurava em sua mão um chicote com uma lâmina em sua ponta e um rubi cravejado em formato de coração em seu cabo. – Oi meu filho, obrigado por tentar me ajudar! – Disse Afrodite, minha amada mãe.

Meus olhos se encheram de lágrimas por uns segundos. Eu fiquei paralisado com sua presença, eu nunca tinha visto minha mãe tão de perto, eu quase surtei. Minha vontade era de gritar e pular, abraçá-la e beijar todo o seu corpinho sexy. – Mãe, eu estou morto? – Falava, lambendo os meus lábios. Ela sorria, mostrando todo o seu amor. – Não meu filho, ainda não é sua hora, eu preciso de você, e você precisa de mim. – Ela passava a mão em seus cabelos, assim como eu fazia. Agora eu sem de quem puxei essas manias. – Eu estou enfraquecendo Joe, e se eu perco meus poderes, você e todos seus outros irmãos enfraquecem também. Meu tesouro mais precioso, a flor que eu nomeio de amor, está retida por caos no topo da Torre Eiffel! – Eu podia sentir seu desespero e a tristeza que invadia seu coração. – O objetivo dele, é acabar com o amor? – Perguntei. – Sim meu querido, mas como viveremos sem o amor? O que seria do mundo sem o amor? É ele que nos motiva a lutar por aquilo que amamos. O afeto, o carinho, a paixão. O mundo está ligado ao amor, e sem ele, só existirá ódio, desgraça, tudo de ruim que você pode imaginar! – Mordi meus lábios, nervoso. – Não se preocupe, eu salvarei a mundo, com todas as minhas forças. É uma promessa! – Lambi meus lábios e pisquei sensualmente para a deusa. – Eu tenho fé em você, eu lhe protegerei! Perséfone também estará ao seu lado, não se preocupe. Juntos conseguiremos! – Ela se levantou, caminhou até mim e me deu um beijinho em minha testa. Pude sentir seus lábios quentes. Uma aura maravilhosa e poderosa em meu corpo. Tudo ia sumindo aos poucos, acho que era apenas um sonho e eu estava prestes a acordar.’’




Armas/Itens:
Foice da meia noite: Uma foice negra. Sua lâmina possui a mistura de bronze imperial e prata lunar, assim, aumentando o dano em 5%.

Manto opaco: Um manto que permite quem estiver coberto com ele ficar transparente, não invisível, transparente.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.

Poderes/Habilidades:
Passivos:
Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.
Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.
Beleza Natural – Como sua Protetora, os Guardiões serão tão belos quanto a mais bela das orquídeas.


Ativos:
---//---

Love me like money!
®


How deep is your love?
"/>
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
61
US$ :
39709
Data de inscrição :
22/09/2015
Localização :
Ali

Dados do Personagem
Nivel: 14
Experiencia :
482/1400  (482/1400)
Vida (HP):
230/230  (230/230)

Joe McDean
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O poder do Amor- Missão narrada para Joe McDean

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum