Trama
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.
Créditos
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.
Novidades
18.06
Reabertura do Fórum 2.0

00.00
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut.

00.00
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut.
Times
Nombre apellido
Mejor héroe
Nombre apellido
Mejor Villano
Nombre apellido
PJ más activo
Administração
Companeros

Élite 0/40

Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Circe em Sab Nov 21, 2015 5:36 pm


BACK FROM VEGAS

Você provavelmente já ouviu a expressão "O que acontece em Vegas, fica em Vegas", certo? Porém algumas coisas que não deveriam ficar em Vegas nunca mais voltaram para seus lares - filhos, maridos, pais. Homens no geral vêm desaparecendo pelos cassinos de uma das cidades mais famosas do mundo. Depois de um tempo de investigação, ficou óbvio para todos os deuses que se tratava de algo sobrenatural demais para que um humano qualquer resolvesse. Era necessário um semideus corajoso e que não fosse facilmente persuadido.

Luke Lowell se encontrava vagando pela casa da deusa do amor quando um forte sono tomou conta de seu corpo. Algo incomum, principalmente sendo metade do dia e o garoto estar se sentindo bem e energético minutos antes. Ao fechar os olhos e se encontrar adormecido em sua cama, uma voz suave e feminina fora escutada.

— Você deverá encontrar o monstro que causa a destruição de famílias. Deverá matá-lo e trazer a conformação para todas as mulheres que perderam seu ente querido.

Quando o garoto abriu seus olhos sentiu-se nauseado. Não estava em sua cama e muito menos no Acampamento Contracorrente. Estava em um hotel e, pelo que pode identificar, apenas dois andares acima de um dos maiores cassinos de Las Vegas.

Regras:

- Posts com no mínimo 12 linhas.
- Quando você acordar terá consigo duas de suas armas a sua escolha, encontrará elas em algum local do quarto do Hotel.
- Narre detalhes, mesmo sendo apenas uma introdução de sua missão. Quero sentir o que você sentiu, quero saber seus pensamentos e todos os mínimos detalhes de suas ações.
- Lembre-se, você ainda não sabe o que é o monstro. É apenas uma introdução onde você começa a investigar o local, acreditando que esta será uma nova cena de crime. Ok?
- Prazo: 24/11/2015
- Boa sorte!


Circe
Equality is not a concept. It's not something we should be striving for. It's a necessity. Equality is like gravity. We need it to stand on this earth as men and women, and the misogyny that is in every culture is not a true part of the human condition. It is life out of balance, and that imbalance is sucking something out of the soul of every man and woman who's confronted with it. We need equality. Kinda now.
avatar
Deuses Menores
Mensagens :
12
US$ :
37118
Data de inscrição :
12/11/2015

Circe
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Luke Lowell em Sab Nov 21, 2015 7:56 pm












Vegas Lights



   
   
   


Eu finalmente consegui terminar de arrumar minhas roupas por cor, no canto esquerdo extremo de meu closet se encontravam as roupas pretas, seguida das cinzas-escura, seguindo azul, verde, seguido de diversas cores formando um dégradé até o vermelho e finalmente, as roupas brancas que se encontravam no canto extremo direto, sentia-me extremamente orgulhoso de mim mesmo e só havia tomado minha manhã, olhei para Luna, que ronronava em cima de uma pilha de caixas de sapatos. Ela parecia sentir-se orgulhosa de mim, pois em seu rostinho felino parecia haver um sorriso, ou seria somente minha imaginação. Observo meu trabalho por alguns segundos parado na frente do meu closet com as mãos na cintura, quando sinto meu celular vibrando, com certa graça, pego meu celular já imaginando quem seria, estava torcendo para que fosse Morgan Oakheart dizendo que conseguira um tempo livre para nosso tão prometido jantar.
Olho a tela brilhante e quase instantaneamente sinto uma dor em minhas costas, talvez ter levantado tantas caixas não fora a melhor das ideias, olho o mural de notificações e vejo uma mensagem de Aimée:
“Moço, faz comida pra mim? Eu tenho treino, então vou passar ai depois, okay?”
Deixo um suspiro escapar, sinto um pouco de raiva porque ela só me manda mensagem quando é em relação à comida e sinto um pouco de felicidade por ser uma opção dela de cozinheiro. Sigo para a cozinha e começo a preparar um ramen japonês para minha irmã de consideração, me sinto fraco e um pouco tonto, mas procuro me focar no preparo do prato, passados uns 20 minutos, começo a me sentir extremamente cansado e com muito sono, logo me apresso para fazer um pouco de suco de morangos, coloco e ramen em um bento dentro do frigobar em meu quarto, junto ao suco, com um bilhete escrito: “Sua comida está na geladeira, Coisinha”. Estou meio tonto, então tomo um remédio para dor de cabeça, bebo um pouco de água para espantar o gosto amargo do remédio, o copo não tinha mais peso em minha mão, tudo escureceu levemente, antes de cair ao chão ouço uma voz feminina dizendo:
— Você deverá encontrar o monstro que causa a destruição de famílias. Deverá matá-lo e trazer a conformação para todas as mulheres que perderam seu ente querido.

Acordo em um quarto bem iluminado, ainda meio tonto e meu corpo dolorido, o quarto tem paredes pérolas, uma cor bem neutra, em contraste as cores fortes dos quartos de minhas irmãs, logo presumi que estava em um quarto de uma prole de Hermes, que pregara uma peça em mim. Movo minhas mãos para chegar se estou preso, para minha surpresa não estou. Sinto-me realmente confuso, mas ao mesmo tempo atento, pois a qualquer segundo poderia ser vitima de uma peça, se tratando e uma prole do ‘palhaço olímpico’, esperava algo sofisticado, então deveria ficar muito atento. Observo minha volta procurando algum perigo aparente, então percebo que o quarto tem poucos móveis e é realmente organizado, organizado demais para uma prole dos ladrões.  Todo o quarto é cor pérola ou branco, com exceção de uma caixinha rosa, em cima do criado-mudo ao lado da cama.
Aproximo-me da caixa, agora aliviado que não se tratava de uma peça, mas não calmo, já que podia não estar no acampamento. Abro a caixa para encontrar meu Chicote de Odisseia e meu Tarô do Amor, junto ao um bilhetinho escrito: “Caso tenha esquecido o que lhe disse... Encontre o monstro que destrói famílias, traga conformação para todas as mulheres que perderam seu ente querido. Matando-o.” Finalmente lembro-me da voz antes de desmaiar, sinto-me pequeno e uma sensação de insegurança invade meu corpo, mata-lo? Eu terei que lutar e não posso morrer, acabei de começar a sair com Oakheart, não posso simplesmente abandona-la. Terei que terminar com isso o mais rápido possível, me deseje boa sorte mãe. Sento-me a cama e começo um exercício de respiração para deixar minhas ideias fluírem, uma espécie de meditação rápida.
Um pensamento me vem à mente, estou longe de “casa”, mas relativamente perto de Casa, a mansão de meu pai, talvez consiga paga-lo uma visita depois que isso acabar, se eu não morrer isto é. Outro pensamento rápido me vem à cabeça, já que estava de roupas casuais, tinha acesso a meu closet via Manequim? Teria como usar qualquer roupa? Já que dependendo de minha localização, tenho que usar roupas adequadas... Localização! Isso me lembra de Quíron falando sobre sempre vasculhar a localização se eu estivesse em uma missão. Vejo uma janela e corro para a mesma, apoio-me no parapeito. Uma enorme brisa passa pelo meu rosto, meu Ipod muda a música para “The End Of All Things – Panic! At The Disco.”, tenho a sensação de estar em um filme hollywoodiano, perco-me em pensamentos e começo a murmurar a letra da música, enquanto, sem perceber, acessava meu arquivo pessoal de localizações em procura ao local onde estava.
Olho para baixo e vejo luzes de neon... Muitas luzes de Neon, uma voz feminina fala em meus ouvidos: “Las Vegas”, dou um pulo em susto, olho em minha volta, mas não encontro ninguém em minha volta, era como se alguém estivesse invadindo minha mente. Volto-me ao foco, devo testar se Manequim funciona e depois descer procurar pelo tal monstro. Corro para o meio do quarto, coloco minhas mãos sobre a cabeça de maneira dramática e grito:
- Mannequin – Adorava falar as coisas em francês.
Minhas roupas começaram a se mexer como se estivessem sendo moldadas por vento, logo elas são substituídas por um smoking preto e sapatos de mesma cor, sinto em minha mão uma caixinha, sigo para o banheiro e olho no espelho, arrumo meu cabelo, abro a caixinha, lentes azuis, como queria. Amo meus poderes de filho de Afrodite. Consigo usar meus poderes, o que é um bom sinal, mesmo meu cabelo meio bagunçado, devido à falta de uma escova, ele magicamente se arruma ficando lindo, outra façanha de meus poderes, sempre lindo. Sigo para a portaria, surpreendo-me ao não encontrar uma portaria e sim um cassino, vejo diversos homens de minha idade até homens mais velhos jogando despreocupadamente. Se eu fosse um monstro, atacaria aqui, isso é perfeito. Tenho que me misturar, sigo para o bar e peço um uísque. Torço para não morrer, sento-me no bar e começo a observar o cassino em procura de atividade suspeita.



Com: All by Myself~ Local: Um hotel... Eu acho..   Sentindo-se:   Shocked   




Poderes/ Itens levados!:

Poderes

Passivos:
Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.
Francês – Como o francês é considerada a língua do amor, as proles de Afrodite podem falar, escrever e ler esse idioma.
Manequim – Os filhos de Deusa da Beleza podem mudar suas roupas por outra desejada, ficando mais lindo e sedutor sempre que quiserem.

Ativos:
-XX-
Itens:

Chicote da Odisseia: Aparentemente parece ser um chicote de couro normal, seu cabo é negro e ao redor um couro negro se envolve por todo ele. Sua corda se divide em três onde em suas pontas há um pequeno gancho feito de forro Styx. No pomo do chicote possui o formato de um círculo com três botões. O primeiro botão faz com que o chicote fique embebedado com fogo. O segundo botão faz o chicote dar uma descarga altíssima de eletricidade em seu alvo e por fim o terceiro botão, o mais perigoso, pois faz com que as lâminas de ferro styx dobrem de tamanho se tornando uma arma letal.
Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.


Love was never enough
¶Trey Den Bakker @LTG
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
29
US$ :
37579
Data de inscrição :
03/11/2015
Idade :
22
Localização :
Contracorrente

Dados do Personagem
Nivel: 4
Experiencia :
100/400  (100/400)
Vida (HP):
130/130  (130/130)

Luke Lowell
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Afrodite em Ter Dez 15, 2015 9:10 pm





Back from Vegas

A prole do amor apareceu em Las Vegas. Isso é um luxo, certo? Talvez não, quando agora foi encarregado de uma missão que poucos conseguiriam se dar bem. Luke estava nervoso, mas filhos de Afrodite são competitivos ao extremo, e agora, ele está disposto de ir até o fim.

Ele prefere se misturar ao ambiente. Sentar em um bar, e tomar uma dose de Whisky. A bebida descia pela sua garganta, ele até chegou a pedir outra dose. E outras vieram, até ele sentir uma pouca tontura. Ele parou, não podia deixar de se focar em sua missão.

Um dos seguranças, à uns 15 metros de distância, encarava o rapaz com um olhar fulminante. O que incomodou o prole do amor, era horrível, e lhe causava um enorme angústia no rapaz. Talvez ele sugava toda a sua aura ruim. Luke pode enxergar nele, seus olhos amarelados, e suas enormes presas. O misterioso homem correu por entre os corredores, em direção aos quartos. O filho de Afrodite estava com sorte, as suspeitas chegavam...



Missão

~ Você pode ir atrás do homem, ou não, certo?!
Prazo até: 19/12/2015

Luke Lowell 110/110HP 110/110MP
Homem misterioso ???/???HP

valeu @ cács!



Life is too short to be alone in kisses, we have to fuck it.
Afrodite ♥️
avatar
Deuses Olimpianos
Mensagens :
80
US$ :
35956
Data de inscrição :
07/12/2015

Dados do Personagem
Nivel:
Experiencia :
0/0  (0/0)
Vida (HP):
100/100  (100/100)

Afrodite
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Luke Lowell em Qua Dez 16, 2015 1:34 pm


Vegas Lights
 
Where villans spend the weekend.




   
   

Estava em Vegas, sozinho, sem ninguém pra me incomodar.  Poderia fazer qualquer coisa e logo depois iria seguir em missão. Afinal, para que serve a vida se não aproveitar e curti-la? A música do local era contagiante e o som dos caça-níqueis sedutores, mas preferia beber um pouco, peço uma bebida para o barman que me entrega um uísque. Bebo alguns copos, não conto ao certo quantos, mas sinto que devo parar. Continuo sentado no balcão, procurando alguém suspeito. De inicio, não encontro ninguém, então decido levantar e investigar a área.

Assim que levantei senti um homem me olhando, ele tinha os olhos amarelados em e seu rosto, presas. Era um monstro, sem duvidas. Ele tinha me visto e correu para os quartos, eu sabia que estava tentando fugir ou armar uma emboscada.  Resisto à tentação inicial de correr atrás deste. Deixo uma gorjeta de 15 dólares para o barman e caminho calmamente até o corredor, tentando não chamar atenção, certifico-me de estar com meu chicote preso a minha calça caso precise e que minhas cartas estão em meu bolso. De forma graciosa, retiro o chicote e preparava para uma batalha.  

Sigo pelo corredor que estava pouco iluminado e tranco a porta que separava os quartos dos caça-níqueis usando uma cadeira que estava ali próxima e aperto um dos botões em meu chicote, fazendo pegar fogo, tanto para iluminar o ambiente quanto para lutar contra a criatura, mesmo que não fosse o monstro que busco. Matar mais um monstro seria bom para manter outros semideuses seguros.Com o chicote em minha mão direita e a carta Vento em minha esquerda para defesa caminho tranquilamente pelo corredor e digo com uma voz doce e provocadora:

- Hey, gatinho, vamos brincar? –

O ambiente estava um tanto escuros, iluminados somente pelas lâmpadas fracas do local e o fogo que saia de meu chicote, não tinha sinal da criatura, então decido investigar. Caso o monstro me atacasse de surpresa, usaria minha carta Vento, assim criando uma barreira de vento que me protegeria e então o prenderia com o chicote, queimando-o e deixando-o imobilizado. Caso eu encontrasse o monstro, e aposto como ele desejava que eu não o fizesse, ativaria minha bênção de lebre e correria pela parede atacando-o com o chicote que estava embebedado por fogo em seu tornozelo, enrolaria a corda e tentaria derruba-lo. Aparentemente simples, mas estava confiante.  


Thanks weird for


Love was never enough
¶Trey Den Bakker @LTG
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
29
US$ :
37579
Data de inscrição :
03/11/2015
Idade :
22
Localização :
Contracorrente

Dados do Personagem
Nivel: 4
Experiencia :
100/400  (100/400)
Vida (HP):
130/130  (130/130)

Luke Lowell
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Afrodite em Qua Dez 16, 2015 3:23 pm





Back from Vegas

O homem misterioso surgiu para o filho de Afrodite. Luke era bastante competitivo, então já se pôs atrás do cara, pretendendo lutar contra ele. Talvez fosse certo, ou errada, ninguém sabia. Mas a prole do amor era bastante afobada, e já inflamava o seu chicote.

Lowell caminhava pelo corredor, segurando sua arma e atento a qualquer ataque. Ele pode ouvir rosnados, gritos, mas talvez aquilo tudo estivesse apenas dentro de sua mente. Luke se sentia fraco, e se assustou, quando de uma das portas do quarto, o homem surgiu e o puxou. – O que você quer aqui, filho de Afrodite? Posso sentir sua aura amor de longe, e isso me incomoda. Eu vou ter que matar você, antes que você mate todos nós. – Ele segurou Luke pelo pescoço e o jogou nas paredes do quarto.

As garras do homem cresceram, assim como os seus dentes. De suas costas, saía uma enorme cauda de escorpião, que pingava veneno. – Isso vai ser legal! – Dizia o mutante. Talvez ele soubesse os segredos do cassino que se encontrava. Ele deveria saber quem são os monstros que destruíram as famílias, e que ainda continuam. Lowell deveria lutar contra ele, e descobrir tudo que tinha a ser descoberto. – Satisfação, me chamo Ivory!



Missão

~ Descubra as verdades.
Prazo até: 20/12/2015

Luke Lowell 110/110HP 110/110MP
Ivory 110/110HP

valeu @ cács!



Life is too short to be alone in kisses, we have to fuck it.
Afrodite ♥️
avatar
Deuses Olimpianos
Mensagens :
80
US$ :
35956
Data de inscrição :
07/12/2015

Dados do Personagem
Nivel:
Experiencia :
0/0  (0/0)
Vida (HP):
100/100  (100/100)

Afrodite
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Luke Lowell em Sex Dez 18, 2015 4:36 pm


Vegas Lights
 
Where villans spend the weekend.




   
   

Tudo ocorrera muito rápido, mas vou tentar explicar da melhor maneira possível. Vai ser um tanto confuso, mas é porque nem eu entendi direito o que houve. Estava andando perto de uma porta que abriu e um homem saiu de lá, pelo menos acho que era um homem. Ele me agarrou e me lançou contra a parede, um movimento bem rude, devo acrescentar, não é assim que se trata um cavalheiro.

Ele começa a tomar uma forma digna de um monstro, mas ao menos se apresenta. Logo me levanto lentamente e limpo minhas roupas, procurando parecer o mais encantador possível.  Observo minha volta por alguns instantes, precisava de informações sobre o ambiente e quais são minhas vantagens providas deste local caso isso escale para uma batalha. Ainda estava dolorido do ataque do monstro, mas nada que não consiga superar.

A coisa mais sensata a se fazer naquele momento era tentar dialogar, ele parecia o tipo que gostava de conversar. Meu pai sempre dizia: “Só deve-se sujar suas mãos com sangue quando não for capaz de conquistar seu objetivo com palavras” Esse era quase meu mantra para a vida. Então, sorri e formulei meu plano de ação na cabeça.
Tentaria olha-lo nos olhos, para usar meu Olhar hipnotizante, assim ele baixaria a guarda para um dialogo pacífico, me apresentaria e me desculparia:

- Olá, Ivory, perdão por antes. Não queria atrapalhar nem causar distúrbios. Sou Lowell, Luke Lowell, francês ao seu dispor. Estou meio que em missão, então, se pudesse me ajudar, seria eternamente grato. – Aposto que minha beleza daria conta de conquista-lo. Talvez conseguisse até leva-lo para a cama, sabe? Nunca havia transado com um monstro, podia ser uma experiência interessante. – Se pudesse me dar uma informação em alguém que está matando diversos pais de família, sabe como isso é importante pros pimpolhos, né?

Caso a diplomacia falhasse meu plano de batalha era um tanto complexo. Saberia que a diplomacia falhou quando ele me atacasse, logo estava com minha carta Vento na mão, para defesa imediata, jogaria a carta ao chão e gritaria: Windy! Ativando a parede de vento que me protegeria. Em seguida, usaria meu chicote para prender em seu pescoço e em sua cauda. Faria uma ameaça que ativaria as lâminas de ferro Styx, mas usaria os choques elétricos, até conseguir informações úteis, caso ele não as tivesse, seria uma pena teria que mata-lo.

Info:

Armas:

Chicote da Odisseia: Aparentemente parece ser um chicote de couro normal, seu cabo é negro e ao redor um couro negro se envolve por todo ele. Sua corda se divide em três onde em suas pontas há um pequeno gancho feito de forro Styx. No pomo do chicote possui o formato de um círculo com três botões. O primeiro botão faz com que o chicote fique embebedado com fogo. O segundo botão faz o chicote dar uma descarga altíssima de eletricidade em seu alvo e por fim o terceiro botão, o mais perigoso, pois faz com que as lâminas de ferro styx dobrem de tamanho se tornando uma arma letal.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.
Poderes Passivos:

~Caso diplomacia funcione~
Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.

~Caso diplomacia falhe~
Perícia com Chicotes/Correntes – Os filhos de Afrodite sabem manusear muito bem chicotes e correntes. Eles exercem seus movimentos com maior precisão e técnica, além de serem capaz de seduzir alguns semideuses enquanto utilizam tais armas.

Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.

Poderes Ativos:

Olhar hipnotizante – Utilizando seus poderes de beleza, basta o filho de Afrodite cruzar o olhar com algum Monstro/Semideus e assim o oponente ficará impressionado com a sua beleza, baixando sua guarda e dando a chance de um ataque.

~Caso diplomacia falhe~
Agilidade/Flexibilidade – Filhos de Afrodite possuem extrema flexibilidade e agilidade, assim podem desviar de vários ataques, além de darem altos pulos e piruetas. Seus movimentos são suaves e encantadores, e isso chama atenção dos oponentes, que pensam mais tempo ao atacar, assim a prole do amor esquiva e defende mais rápido.

Rival – Filhos de Afrodite sendo competitivos, ao atacarem monstros e semideuses do mesmo sexo podem fazer com que o dano seja dobrado.

Benção da Lebre – Tais animais são símbolos da Deusa do amor, assim ao receber a benção das lebres os filhos de Afrodite podem se esquivar com mais facilidade e velocidade, além de dar pulos bem mais altos e correr com agilidade.

Thanks weird for


Love was never enough
¶Trey Den Bakker @LTG
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
29
US$ :
37579
Data de inscrição :
03/11/2015
Idade :
22
Localização :
Contracorrente

Dados do Personagem
Nivel: 4
Experiencia :
100/400  (100/400)
Vida (HP):
130/130  (130/130)

Luke Lowell
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Afrodite em Dom Dez 20, 2015 2:00 pm





Back from Vegas

Um monstro surgiu na frente da prole do amor. Ivory mostrou ser perigoso, suas garras cresceram vários centímetros, assim como seus dentes e a cauda de escorpião que surgiu. O filho de Afrodite com certeza havia se assustado, mas, tento parecer ser simpático.

Luke preferiu mostrar ser filho da deusa da beleza. Jogou seu charme ao homem, e cruzou seus olhares. Ivory realmente se encantou com a beleza do garoto, mas foi uma coisa rápida. O monstro estava meio furioso, mas Lowell mostrou ser tão tagarela que o encanto passou.

– Você terá que me matar para saber o que se passa nesse Cassino. – disse o cara, se aproximando rapidamente do filho de Afrodite. Suas garras foram em direção ao peito do garoto, e sua cauda acertou em cheio o seu rosto, o que o fez voar em direção da parede. – fraco – falava Ivory, sorrindo.



Missão

~ Descubra as verdades.
Prazo até: 24/12/2015

Luke Lowell 100/110HP 110/110MP
Ivory 110/110HP

valeu @ cács!



Life is too short to be alone in kisses, we have to fuck it.
Afrodite ♥️
avatar
Deuses Olimpianos
Mensagens :
80
US$ :
35956
Data de inscrição :
07/12/2015

Dados do Personagem
Nivel:
Experiencia :
0/0  (0/0)
Vida (HP):
100/100  (100/100)

Afrodite
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Luke Lowell em Qua Dez 23, 2015 9:25 am


Vegas Lights
 
Where villans spend the weekend.




   
   

Em um segundo estava falando, no segundo seguinte fui arremessado contra a parede, esse cara realmente gostava de arremessar as pessoas, pra ajudar ele ainda tinha acertado meu rostinho com a cauda, nem preciso dizer o quão rude isso foi. Tento observar minha volta, mas aparentemente não há nada no local que me possa favorecer, aparentemente... Precisava de informações sobre meus arredores e o ambiente de batalha, preciso de proteção e preciso contra-atacar, pois se continuar nesse ritmo não irei conseguir nem fazer cócegas nele.

Tento me lembrar das armar que tenho em meu arsenal, sabia que era ágil e que tinha bastante flexibilidade, resultado: Tenho que ser mais esquivo do que estou agindo atualmente, tenho que me concentrar nele, cada movimento que ele fizer, tenho que antecipar seus próximos. Claro, ainda estava machucado do ataque anterior dele, mas no calor da batalha, você nem percebe a dor. Quer dizer, percebe, mas você ignora pra conseguir pulverizar qualquer ameaça afinal o que é um arranhão comparado ao perder sua vida?

Meu coração palpita em um ritmo acelerado, levanto-me e encaro o monstro, sorri-o do jeito mais belo que consigo, lembro que uma garota havia dito que minha beleza era calmante, como um porto seguro, mesmo sabendo que atualmente era o contrário de um para o monstro, tentaria acalma-lo com minha beleza. Claro isso não era minha estratégia de batalha, até porque não se mata alguém com um sorriso, é só uma metáfora, não acreditem nisso quase morri na primeira vez que batalhei acreditando nessa merda.

Queria parecer confiante e de fato realmente estava, mas não sabia se estava demonstrando isso, sabia o que tinha que fazer, só não conseguia bolar um plano usando o que tenho, é quando me lembro de minhas cartas, o presente de mamãe não falharia, tinha todas minhas fichas atuais nessas cartas. Desculpe a piadinha, não tinha como resistir, estou em Vegas afinal, me dê um desconto.  

Tenho que ativar minha bênção de coelho e minha habilidade rival, mas o monstro não ficaria esperando enquanto eu as conjuro. Sabia que precisaria de defesa, por isso pego minhas duas primeiras cartas: Vento e Explosão de pétalas, ambas tinham um traçado belo e confiante, conseguia sentir isso, quem quer que as tenha feito, tinha experiência em desenho de cartas, o que é uma coisa complicada, confie em mim, estudei desenho no ensino médio e desenhar em uma superfície tão pequena e delicada como a de uma carta era complicado. Perdi o foco, perdão. Respiro fundo e tento conjurar primeiro a carta de vento e assim que tiver proteção usaria a explosão de pétalas, espero que estas não me falhem dessa vez.

Claro que meu ataque não acabaria ai, quero fazer com que ele se arrependa de lutar contra mim, mas ele havia me irritado profundamente quando me acertou no rosto. Quem ele acha que é? Aproveitaria a proteção que não duraria muito e tentaria ativar minha bênção e rival, seriam duas habilidades que me ajudariam tremendamente pelo resto da batalha. Tenho que aproveitar tudo que tenho no arsenal. Lembro que a maioria dos hotéis em Vegas tem aqueles lustres pesados nos quartos, tinha que checar se este tinha, caso tivesse, poderia aproveitar-me dele no futuro.


Info:

Armas:

Chicote da Odisseia: Aparentemente parece ser um chicote de couro normal, seu cabo é negro e ao redor um couro negro se envolve por todo ele. Sua corda se divide em três onde em suas pontas há um pequeno gancho feito de forro Styx. No pomo do chicote possui o formato de um círculo com três botões. O primeiro botão faz com que o chicote fique embebedado com fogo. O segundo botão faz o chicote dar uma descarga altíssima de eletricidade em seu alvo e por fim o terceiro botão, o mais perigoso, pois faz com que as lâminas de ferro styx dobrem de tamanho se tornando uma arma letal.

Tarô do amor – Uma coleção de cinco cartas de tarô sendo elas: Vento, Explosão de pétalas, O Cupido, A alma gêmea e Corações alados. Cada uma das cartas possuem um poder que só pode ser usado seguindo respectivamente a sequência a cima, bastando ler o nome da carta. A carta de vento cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma parede de vento lhe protege por uma rodada todo ataque físico ou magico em sua direção. A carta explosão de pétalas cria-se um simbolo presente na carta no chão ao seu redor e uma chuva de pétalas, como navalhas, que acertam seu oponente. A carta o cupido surgirá um simbolo no chão e de dentro dele sai um cupido postando arco e uma aljava com 5 flecha prateadas, cada flecha ao acertar o alvo tira 15HP. A alma gêmea fará surgir um clone seu com poderes e armas iguais (Exceto as cartas) ele ficará presente na arena por 3 rodadas. E por fim os corações alados: dois corações surgiram, um negro e um vermelho, escolha um deles e na vontade do narrador você poderá recupera 30HP/MP ou causar dano de 20HP em seu oponente.
Poderes Passivos:

Beleza Natural – Os filhos de Afrodite serão sempre considerados belos, já que sua principal característica é sem dúvida a sua beleza, que causam admiração a qualquer pessoa que olhá-lo. Seus rostos são sempre perfeitos e seus corpos sempre definidos.


Perícia com Chicotes/Correntes – Os filhos de Afrodite sabem manusear muito bem chicotes e correntes. Eles exercem seus movimentos com maior precisão e técnica, além de serem capaz de seduzir alguns semideuses enquanto utilizam tais armas.

Competitivos – Filhos da Deusa do amor geralmente preferem a paz e não curtem muito batalhas, mas são extremamente autoritários e competitivos. Mesmo que não gostem de combates ficam extremamente furiosos ao serem ameaçados de qualquer forma, podendo destruir ameaças e podem até surgir crueldade em suas mentes.

Poderes Ativos:

Rival – Filhos de Afrodite sendo competitivos, ao atacarem monstros e semideuses do mesmo sexo podem fazer com que o dano seja dobrado.

Bênção da Lebre – Tais animais são símbolos da Deusa do amor, assim ao receber a benção das lebres os filhos de Afrodite podem se esquivar com mais facilidade e velocidade, além de dar pulos bem mais altos e correr com agilidade.

Thanks weird for


Love was never enough
¶Trey Den Bakker @LTG
avatar
Filhos de Afrodite
Mensagens :
29
US$ :
37579
Data de inscrição :
03/11/2015
Idade :
22
Localização :
Contracorrente

Dados do Personagem
Nivel: 4
Experiencia :
100/400  (100/400)
Vida (HP):
130/130  (130/130)

Luke Lowell
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Afrodite em Sab Jan 16, 2016 1:10 pm

Missão FINALIZADA.
Recompensas +400xp +200D$


Life is too short to be alone in kisses, we have to fuck it.
Afrodite ♥️
avatar
Deuses Olimpianos
Mensagens :
80
US$ :
35956
Data de inscrição :
07/12/2015

Dados do Personagem
Nivel:
Experiencia :
0/0  (0/0)
Vida (HP):
100/100  (100/100)

Afrodite
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Back from Vegas - Missão para Luke Lowell

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum